fb fb fb
fb+351 253 421 246
search

República na Cidade

republica-na-cidade

ÍNDICE

Implantação da República em GuimarãesSímbolos da RepúblicaPlanos e projetos para Guimarães, 1910-1926:
Praça D. Afonso Henriques e Passeio da IndependênciaLargo de São PaioParque do CasteloPaços do ConcelhoBairro OperárioPlano de alargamento da Cidade
Ilustrações de Vasco Carneiro
Largo de São Paio

A configuração deste espaço característico do “emaranhado medieval” já tinha sido criticada no século XIX, por ser contrária aos princípios da salubridade e da segurança. Ali se localizavam os albergues do Anjo e de Nossa Senhora do Serviço, construções que há muito ameaçavam ruína. Em 1911, a Câmara iniciou a demolição do primeiro, seguindo-se mais tarde a do segundo e a da própria Igreja de São Paio, bem como a expropriação de habitações. Deste conjunto de operações resultou uma praça moderna, “ampla e arejada”, para Guimarães.

largo-img1
1915
largo-img2
1915
largo-img3
1926
largo-img4
[19??]



Recolhimento do Anjo

A Câmara Municipal de Guimarães solicita ao Governo o edifício do Recolhimento do Anjo, a fim de se promover à sua rápida demolição.

ata_10-16-2-1Título: [Excerto da ata da sessão extraordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
Âmbito e Conteúdo: A Câmara Municipal de Guimarães pretende demolir o Recolhimento do Anjo.
Data: 11 de novembro, 1910 / Dimensão: 1 f. (36 x 22 cm)
Cota: AMAP-10-16-2-1 (Pág.: 119v)



Albergue de São Paio

O Administrador do Concelho participa à Câmara Municipal que o albergue de São Paio ameaça ruir.

ata_10-16-2-1Título: [Excerto da acta da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
Âmbito e Conteúdo. O Administrador do Concelho participa à Câmara Municipal que o albergue de São Paio ameaça ruir.
Data: 8 de fevereiro, 1911 / Dimensão: 1 f. (36 x 22 cm)
Cota: AMAP-10-16-2-1 (Pág.: 155)



Demolição do Recolhimento do Anjo

O Governo autoriza a Câmara Municipal de Guimarães a demolir o edifício do antigo Recolhimento do Anjo.

decretoTítulo: [Decreto a autorizar a Câmara Municipal de Guimarães a proceder à demolição do edifício do antigo Recolhimento do Anjo]
Data: 23 de março, 1911 / Dimensão: 1 f. (45 x 33 cm)
Diário do Governo n.º 67 (1911-03-23) 1251



Expropriações no Largo de São Paio

Expropriação do terreno das casas pertencentes a Domingos José de Sousa e mulher, Ana Sousa, Francisco Ferreira d’Andrade e mulher, Maria das Dores Figueiredo, para a obra de aformoseamento do antigo Largo de São Paio.

  • exp2 exp3
  • Título: [Escritura de expropriação, por utilidade pública, do terreno de casas para a obra de aformoseamento do antigo Largo de São Paio]
    Âmbito e Conteúdo: Expropriação do terreno das casas pertencentes a Domingos José de Sousa e mulher, Ana Sousa, Francisco Ferreira d’Andrade e mulher, Maria das Dores Figueiredo, para a obra de aformoseamento do antigo Largo de São Paio.
    Data: 30 de dezembro, 1912 / Dimensão: 3 f. (30 x 21 cm)
    Cota: AMAP-M-1744 (Pág.: 38v-41v)



Igreja Paroquial de São Paio

A Câmara Municipal de Guimarães solicita ao Governo a demolição da Igreja Paroquial de São Paio.

ata_10-16-2-2Título: [Excerto da ata da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
Âmbito e Conteúdo: A Câmara Municipal de Guimarães pretende demolir a Igreja Paroquial de São Paio.
Data: 21 de maio, 1913 / Dimensão: 1 f. (36 x 22 cm)
Cota: AMAP-10-16-2-2 (Pág.: 257v)



Venda da Igreja de São Paio

O Governo da República vende o edifício da igreja de São Paio à Câmara Municipal de Guimarães. Excluindo da venda os altares, as alfaias, as imagens e o mobiliário da igreja.

  • esc1 esc2 esc3
  • Título: [Escritura de venda que faz o Governo Português à Câmara Municipal de Guimarães, do edifício da Igreja Paroquial da freguesia de São Paio]
    Âmbito e Conteúdo: Venda, com exclusão dos altares, das imagens, das alfaias e do mobiliário, efetuada pelo Governo Português à Câmara Municipal de Guimarães do edifício da Igreja Paroquial da freguesia de São Paio, a fim de ser demolida para ampliação do largo.
    Data: 17 de março, 1914 / Dimensão: 4 f. (30 x 21 cm)
    Cota: AMAP-M-1745 (Pág.: 7v-10)



Largo do Anjo

Processo de arrematação de parte do projecto de reparação e melhoramento do Largo do Anjo que consiste na regularização do largo e na construção das guias de cantaria. Projecto assinado pelo fiscal Abílio Fernandes Guimarães e pelo engenheiro António Martins Ferreira.

6-58-1-3-712Título: [Processo de arrematação de parte do projecto de reparação e melhoramento do Largo do Anjo]
Âmbito e Conteúdo: Regularização do Largo do Anjo e construção das guias de cantaria.
Datas: 18 de fevereiro, 1916 a 7 de abril, 1916 / Dimensão: 12 f. (33 x 23 cm)
Cota: AMAP-6-58-1-3-712