fbfbfb
fb+351 253 421 246
search
Água é Património
agua-patrimonio

ÍNDICE

Abastecimento PúblicoSéculo XIX: a sensibilização para o problemaSéculo XX: período de viragemConservação, defesa e uso da ÁguaCursos de Água e Lendas
MÃE-D’ÁGUA: Centenário do Abastecimento Público de Guimarães.
Textos António Amaro das Neves, Francisco Costa, António Bento. Guimarães: Vimágua, Empresa de Água e Saneamento de Guimarães e Vizela, [2007]. 256 p.: il; 29 cm. (978-989-20-0658-1)

Fotografias: Eduardo Brito / Paulo Pacheco

Século XX: período de viragem

“Em Fevereiro de 1900 a Câmara aprovou o projeto e orçamento para melhorar a canalização e abastecimento das águas. Este compreendia o aumento do caudal com canalização em tubagem de ferro apropriada desde a Penha até à Arcela, onde seriam instalados os depósitos gerais, partindo dali o sistema de distribuição para os diferentes pontos da cidade. Em 13 de Agosto de 1904, efetuou-se a inauguração solene, na Arcela, da canalização das águas.
Nas décadas seguintes à necessidade de continuar a melhorar o abastecimento de água junta-se um outro problema, o aumento do consumo provocado pela expansão urbana e pelo seu uso na indústria. Em 1944, com a criação do Serviço Municipalizado de Água e Saneamento deu-se início ao processo de captação a partir do Rio Ave junto à vila das Taipas. O sistema de abastecimento passou a ter duas origens de água - as minas da Penha e o Rio Ave. Os anos que se seguiram foram de um constante reforço e alargamento da rede de abastecimento público, conseguindo atingir uma cobertura quase total em todo o concelho."



Excerto da ata da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães

  • doc.3-1-1 doc.3-1-2
  • Título: [Excerto da ata da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
    Âmbito e Conteúdo: A Câmara aprovou diversos projetos e orçamentos para obras e melhoramentos no concelho, que incluíam 35 contos para a canalização da cidade e 2 contos para o abastecimento de águas em Vizela.
    Data: 14 de fevereiro de 1900 / Dimensão: 2 f. (290x210 mm)
    Cota: AMAP-10-10-6-18 (Pág.: 66 e 67v)
    archeevo.amap.pt/details?id=50435



Excerto da ata da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães

  • doc.3-2-1 doc.3-2-2
  • Título: [Excerto da ata da sessão ordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
    Âmbito e Conteúdo: Câmara aprovou uma proposta do Presidente para ser contraído um empréstimo para financiar a execução do projeto do novo sistema de abastecimento público.
    Data: 11 de fevereiro, 1903 / Dimensão: 3 f. (290x210 mm)
    Cota: AMAP-10-10-6-20 (Pág.: 110-111)
    archeevo.amap.pt/details?id=50439



Excerto da ata da sessão extraordinária da Câmara Municipal de Guimarães

doc.3-3-1Título: [Excerto da ata da sessão extraordinária da Câmara Municipal de Guimarães]
Âmbito e Conteúdo: Adjudicação da obra de instalação do sistema de canalização das águas da Serra até ao alto da Arcela.
Data: 12 de agosto, 1903 / Dimensão: 1 f. (290x210 mm)
Cota: AMAP-10-10-6-20 (Pág.: 196)
archeevo.amap.pt/details?id=50439



Projeto de exploração de águas no monte da Penha para aumento das que abastecem a cidade

img1Título: [Projeto de exploração de águas no monte da Penha para aumento das que abastecem a cidade]
Âmbito e Conteúdo: Projeto de exploração das águas que abastecem a cidade. Planta dos terrenos do lado nascente do monte.
Data: 192?. / Dimensão: 1 pl. (420x230 mm)
Cota: AMAP-MF-7.3



Projeto de exploração de águas no monte da Penha para aumento das que abastecem a cidade

img2Título: [Projeto de exploração de águas no monte da Penha para aumento das que abastecem a cidade]
Âmbito e Conteúdo: Projeto de exploração das águas que abastecem a cidade. Planta dos terrenos do lado poente do monte.
Data: 192?. / Dimensão: 1 pl. (420x230 mm);
Cota: AMAP-MF-12.3



Projecto de inventário das nascentes de água (minas) do concelho de Guimarães

doc.3-6-1Título: Projecto de inventário das nascentes de água (minas) do concelho de Guimarães
Âmbito e Conteúdo: Inventário das nascentes de água (minas) do concelho de Guimarães.
Datas: [1954-1956] / Dimensão: 64 f. (300 x 210 mm)
Cota: AMAP-7-45-1-5
archeevo.amap.pt/details?id=291976